segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Sapatos no japão!!!

Acha que os sapatos femininos são desconfortáveis?
Olhe a febre no Japão agora...








São sapatos inspirados na "época das gueixas",onde pés pequenos eram sinal de beleza e graciosidade.Para "tal feito",as meninas tinham seus pés enfaixados desde os primeiros dias de nascimento,o que acabava por deformá-los.






O que o "padrão de beleza" não faz numa sociedade heim???????

pense nisso.

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Aos olhos dos orientais...




Orientais (os 100%!!!!!!) lêem o que não lemos......

Será que a nossa escrita,aos olhos orientais,seria assim?


Aqui está a razão pela qual os orientais têm olhos
diferentes!

DÊ SÓ UMA OLHADA:

Caso não consiga perceber nada, tente lê-lo fazendo de olhos puxadinhos.

(puxe a pele do lado exterior dos olhos!)

hehehehe

abraços

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Acelerador do que???



(O espantoso raio de 27km do LHC em http://mars.fis.uc.pt)



Vou tentar ser imparcial( com a certeza de que não vou conseguir),e mostrar esta notícia pra vocês.Só não entendi qual é a utilidade (além do apocalipse,uhauhaa)deste "troço"(e estou com preguiça de pesquisar),pq não falam sobre isso.É difícil ser impacial pq já começa assim:

O Novo Super Acelerador de Partículas do CERN, o LHC: Uma fábrica de Buracos Negros e… uma Máquina do Juízo Final?

Um artigo da BBC indica que a Terra pode enfrentar agora uma nova ameaça… Para além do Aquecimento Global, da fome provocada pela alta dos preços do alimentos, do sempre possível conflito nuclear e de um impacto de um asteróide, parece que segundo a BBC existe também uma possibilidade - remota - mas ainda assim uma possibilidade que o LHC (“Large Hadron Collider”) o Super ciclotrão que está a ser construído na Europa possa criar um… Buraco Negro não-evaporante capaz de engolir toda a Terra e até talvez o nosso Sistema Solar.
Havendo – como há – uma possibilidade teórica que este imenso acelerador de partículas forme um buraco negro, não deveria tal instrumento científico ser banido da Terra, e colocado onde não pode fazer mal, isto é, fora do próprio Sistema Solar? Será que devíamos estar a construir este engenho enquanto não temos ainda tecnologia para o fazer em total segurança, além do Sistema Solar? Na verdade, já corremos um risco idêntico no passado… Quando o primeiro reactor nuclear foi construído na Universidade de Chicago sabia-se que os reactores moderados por grafite (não por água pesada, como actualmente) podiam ficar instáveis a baixas energias e… explodir como uma pequena bomba nuclear. Na época, tal não aconteceu, por mero acaso e baixa probabilidade… mas estaremos agora novamente a desafiar o destino, só que numa escala imensamente superior? Este risco foi levantado pela primeira vez por Sir Martin Rees a propósito não do LHC, mas a propósito de outro acelerador, o RHIC. Na altura, o físico estimou que essa possibilidade fosse de 1 em 15 milhões. Mais tarde, o professor Frank Close avaliou que um stranglet (outra forma exótica de matéria) poderia ser criado com a mesma probabilidade de alguém ganhar a lotaria 3 vezes seguidas, em 3 semanas seguidas… Improvável… Mas possível, temos que admitir.

E pensávamos nós que o Aquecimento Global era um problema grave…

Para ler o artigo por completo acesse:


http://movv.org/2008/05/07/o-novo-super-acelerador-de-particulas-do-cern-o-lhc-uma-fabrica-de-buracos-negros-e-uma-maquina-do-juizo-final/

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Escrever.Necessidade???

A descoberta da América (que ainda não houve) por Eduardo Galeano.

Escrevemos a partir de uma necessidade de comunicação e de comunhão com os demais,para denunciar o que dói,e compartilhar o que dá alegria.Escrevemos contra a nossa própria solidão e a solidão dos outros.Creio em meu ofício,creio em meu instrumento.
Nunca pude entender por que escrevem os escritores,que enquanto isso,declaram altaneiros que escrever não tem sentido num mundo onde tanta gente morre de fome.Tampouco pude jamais entender os que transformam a palavra em alvo de fúrias,ou em objeto de fetichismo.
A palavra é arma e pode ser usada para o bem e para o mal.A culpa do crime nunca é do punhal.Creio que uma função primordial da literatura latino-americana atual consiste em:resgatar a palavra usada e abusada com impunidade e frequência,para impedir ou trair a comunicação."Liberdade" é no meu país o nome de um cárcere para presos políticos,e "democracia" se chamam vários regimes de terror.A palavra "amor" define a relação do homem com seu automóvel,e por "revolução" entendemos o que um novo detergente pode fazer na sua cozinha.A "glória" é algo produzido por um sabonete suave de determinada marca,e "felicidade" é uma sensação que se consegue ao comer salsichas."País em paz" significa em muitos lugares da América Latina "cemitério em ordem",e onde se lê "homem sadio",deveríamos ler ás vezes "homem impotente".


Qual é a sua necessidade?

Muito legal este texto,espero que tenham gostado. ^^

abração

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Fãs de música clássica e heavy metal são parecidos, diz estudo:



Um estudo que analisa a relação entre gosto musical e personalidade sugere que há semelhanças entre fãs de música clássica e aqueles que gostam de heavy metal.
A pesquisa, realizada na Universidade Heriot Watt, em Edimburgo, na Escócia, entrevistou 36 mil pessoas. Os pesquisadores fizeram perguntas sobre características da personalidade de cada participante e pediram para que os voluntários avaliassem 104 estilos musicais.
Os resultados sugerem, por exemplo, que fãs de jazz são criativos e extrovertidos, enquanto aqueles que gostam de música pop tendem a ter pouca criatividade.
Segundo o professor Adrian North, que liderou o estudo, a surpresa foi descobrir semelhanças na personalidade de fãs de música clássica e heavy metal.

"São pessoas muito criativas, introvertidas e de bem consigo mesmas, o que é estranho. Como você pode ter dois estilos tão distintos com grupos de fãs tão parecidos?", afirmou North.
Ele ressalta que uma das explicações pode ser o “aspecto teatral desses estilos, que são dramáticos”.
"As pessoas em geral têm um estereótipo sobre os fãs de heavy metal, acham que eles têm tendência suicida, são deprimidos e representam um perigo para si e para a sociedade em geral. Na verdade, são pessoas bem delicadas", afirmou.

De acordo com North, a pesquisa pode ser muito útil para a indústria fonográfica e para quem trabalha com marketing.
"Se você sabe a preferência musical de uma pessoa, pode dizer que tipo de personalidade ela tem e para quem deve vender", disse North.
"São implicações óbvias para a indústria da música, que está preocupada com a queda da venda de CDs."

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Políticos e Fraldas.

Os políticos e as fraldas devem ser mudados
freqüentemente e pela mesma razão.


autor:Eça de Queiroz.


Sen-sa-ci-o-nal essa frase.